Conselho, Diferenças, Indicação - Pedras Ferreira

Tel: 11-3917-0215
PF&F
PEDRAS FERREIRA
& FILHO
Ir para o conteúdo

Menu principal:

CONSELHOS PRÁTICOS

- Para evitar que manche, deve-se limpar imediatamente qualquer substância que seja derramada e que possa vir a danificar a superfície das pedras, com um pano humedecido, ou se necessário, lavar com um detergente neutro diluído em água.

- Deve-se evitar deixar cair cimento nas pedras. Se tal não puder ser acautelado, retirar o cimento antes de endurecer, lavando cuidadosamente a superfície com uma esponja húmida.

- Se por qualquer motivo o produto derramado, só puder ser retirado com um produto químico ou decapante, deverá proceder-se com cuidado, experimentando, primeiramente limpar uma pequena parte da superfície da pedra danificada.

- Tratando-se de superfícies verticais, bastará o emprego de um pano maçio e humedecido com um produto antiestático.

- No caso de pavimentos, em que a limpeza tenha de ser feita com frequência, de preferência com detergentes neutros, deve-se utilizar uma esfregona e um produto antiestático. Dependendo do tipo de uso, aconselha-se a aplicação periódica de cêras especificas, vindo-se a formar uma película protectora,regenerando as superfícies agredidas.

- De qualquer forma, não nos deveremos esquecer, que se está em presença de pedra mármore natural.

- Quando a situação o exigir, pensamos que na maioria dos casos será possível limpar as manchas com o decapante mais adequado e, posteriormente,polir a pedra com máquina apropriada.

Fonte da pesquisa: Azulima



MÁRMORES

Mármores são rochas metamórficas provenientes de metamorfismo de rochas calcárias, granito é uma rocha ígnea provenientes de erupções vulcanicas. Mármores possuem dureza menor que do granito, são mais corrosíveis a ação de ácidos, e são menos resistentes ao tempo.

Mármore, é constituído basicamente por carbonato de cálcio (CaCO3) a mesma matéria prima das pérolas e casca de ovo.

As suas cores são devidas a presença de outros compostos, como por exemplo: compostos de manganês lhe dão coloração rosa, compostos de cobre, azul.

GRANITOS

O granito é diferente, é composto de 3 componentes diferentes: quarto, feldspato e mica. Alguns outros minerais também estão presentes, fazendo variar sua coloração e resistência.

O mármore, apesar de bonito é quimicamente muito frágil, pode ser atacado por substâncias ácidas, como suco de tomate, suco de limão, abacaxi, vinagre.

O granito é mais resistente, mas pode sofrer avarias também, com tais substâncias. Os mármores são materiais com menor grau de dureza e maior porosidade que os granitos. Existem peças lindíssimas, e normalmente com veios, pois são resultado da extratificação de materiais em camadas, não granulados.


SILESTONE

Silestone é composto por cerca de 94% de quartzo natural, o que lhe proporciona dureza e resistência extraordinárias. É uma superfície excelente para bancadas de cozinha, banheiros, pisos e revestimentos de parede com quantidade reduzida de juntas.

O Silestone é quartzo natural criado para a decoração de cozinhas e banheiros a partir de um tratamento que proporciona belas e variadas cores, extraordinárias texturas e um elevado desempenho.

A Silestone é uma superfície não porosa e altamente resistente a manchas de café, vinho, suco de limão, azeite de oliva, vinagre,maquiagem e muitos outros produtos de uso diário.




INDICAÇÃO DE USO

Mármore em projetos é utilizado para áreas onde quer obter bom efeito plástico e que não possuam muito tráfego. Um banheiro, por exemplo. Podemos colocar mármore na tampa da pia, nas paredes e até no piso, porque geralmente se anda sobre eles com sapato leve, as vezes descalço ou andando de vagar.

Já áreas com tráfego médio pode-se utilizar o travertino nacional. Os granitos também podem ser usados com a mesma finalidade, e sua aparência é mais granulada. Esses grãos podem ser maiores, menores, de várias colorações, dependendo do granito.

Num piso de tráfego mais intenso, como num hall de recepção, por exemplo, onde tem sempre muita gente entrando e saindo, mas a pessoa não para num balcão para ficar apreciando o desenho dos veios de um mármore, o granito é melhor. É mais duro, menos poroso, mais resistente, não é desenhado.

Um mármore, como o travertino nacional, é um bom exemplo . Ele é porosíssimo e todo esburacado ao natura. Costuma-se enchê-lo com massa nas centenas de buracos que possui, para ficar com aparência mais uniforme.

Assim fica uma peça bonita. Num banheiro fica bem, mas num piso de alto tráfego, é terrível. A pedra se desgasta, vai fazendo buraco e a massa vai ficando feia.de um tempo parece ficar encardido. As fissurar recém abertas vão recebendo sujeira e o resultado não é bom.
Mármores importados são bem mais resistentes,já o seu custo não é muito convidativo.

PEITORIS | MURETAS PARA BOX | LAREIRAS | PISOS | MESAS | LÁPIDES | PIAS | LAVATÓRIOS| ESCADAS | RODAPÉ| SOLEIRAS | FACHADAS

Voltar para o conteúdo | Voltar para o Menu principal